Programa Solar Térmico com investimento de 65 milhões

20.000 Habitações já tiraram partido do programa Solar Térmico 2009 e instalaram sistemas solares térmicos, num investimento que totaliza mais de 65 milhões de euros, metade dos quais é suportado pelo Estado.

Em comunicado feito pelo Ministério da Economia e da Inovação afiram que “nos primeiros seis meses de execução do Programa Solar Térmico 2009 cerca de 20.000 habitações instalaram sistemas solares térmicos ao abrigo deste Programa”, o que corresponde “a mais de 65.000 m2 de painéis instalados, num investimento global de mais de 65 milhões de euros, comparticipado pelo Estado em cerca de 50%”.

Estes resultados, afirma o Governo, “equivalem a triplicar a área de painéis solares instalados anualmente no parque residencial existente, significando o aumento da actividade económica global no sector em mais de 20% face ao ano anterior, duplicando a actividade em apenas dois anos”.

Relativamente a Fevereiro deste ano o Governo salienta que existe uma melhoria no que diz respeito à produção industrial de painéis solares e no sector da instalação e manutenção de equipamentos. “Mais cinco novas fábricas ou linhas de produção de painéis solares estão em funcionamento, para além de três novas unidades de produção de cilindros, sendo também importante o dinamismo criado nas actividades de componentes metálicos e montagem de estruturas de suporte”.

Assim, já existem “6.262 instaladores certificados habilitados a instalar painéis solares de acordo com os níveis de qualidade pelo programa, comparando com 2.362 instaladores certificados no final de 2008”.

O Programa Solar Térmico 2009, da iniciativa do Ministério da Economia e da Inovação e do Ministério das Finanças e da Administração Pública, é válido até final de 2009. A comparticipação estatal atinge 50% do investimento total.

Comments

Deixar comentário